QUEM É O MAIOR ENTRE OS LÍDERES EVANGÉLICOS?


----- Original Message -----

From: QUEM É O MAIOR ENTRE OS LÍDERES EVANGÉLICOS?

To: contato@caiofabio.com

Sent: Saturday, July 08, 2006 8:18 AM

Subject: urgenteeeeeee

Bom dia, reverendo Caio Fábio!

Descobri seu site andando pela internet. Li vários artigos. Amei muito!

Rev. Caio Fábio, sou evangélica. Estou chegando agora. Menos de um ano. Sou de uma igreja evangélica que é tradicional e, ao mesmo, tempo Pentecostal "carismática".

Queria perguntar a você no que a teologia pode me ajudar a entender mais sobre a Bíblia!

Na igreja em que congrego fala-se muito em AUGUSTUS NICODEMUS, COMO UM DOS MEIORES TEOLOGOS DO BRASIL.

JULIO ZABATIERO COMO UM DOS MAIORES BIBLISTA DO BRASIL.

RICARDO GONDIM COMO MAIOR PREGADOR.

E SILAS MAFALAIA COMO MAIOR LIDER DO MOVIMENTO PENTECOSTAL.

REV CAIO, QUEM SÃO ESTES HOMENS? FALA-SE MUITO NELES, MAIS POUCO SE SABE!

VOCÊ, COMO UMA PESSOA LÍDER, QUE ESTÁ NO CENÁRIO Há TANTO TEMPO, PODERIA ME AJUDAR A COMPREENDER.

DEUS O ABENÇOE!


P. FONSECA

____________________________________________________________________

Resposta:

Querida Priscila: Graça e Paz!

Minha querida amiga e irmã!

Primeiramente desejo esclarecer que já fui líder entre esse grupo, mas que não tenho mais nada a ver com tal movimento.

Portanto, você deveria escrever a eles fazendo suas perguntas.

Sim, porque sou de Jesus até às vísceras, mas não mais “evangélico”; e isto para poder ser apenas do Evangelho; já que ser “evangélico” não tem, necessariamente, nada a ver com ser do Evangelho.

E digo com tristeza que a maioria dos “evangélicos” nada mais têm a ver com o Evangelho; exceto no estelionato da nomenclatura.

Se a teologia pode ajudá-la?

Minha opinião é que a teologia não ajudará você em quase nada. Melhor é ler a Palavra a partir de Jesus (aqui no site você achará dezenas de textos sobre isto). Somente se sua mente já estiver salva pela Palavra do Evangelho é que você poderá ler teologia sem se corromper e se condicionar.

Sobre Silas das Malasfeias, aqui no site há minhas opiniões sobre ele. Leia!

Quanto a suas questões acerca deles, eis o penso:

Quem diz que um é bom, não diz que o outro é bom também; pois, o que cada um diz, é, e prega — nega o que os demais são e pregam.

Quando o povo de sua igreja diz o que diz; eles revelam que não Pensam; e que são seres das Estéticas e das Performances. E mais: que adoeceram da esquizofrenia da religião.

Sim, porque quem gosta de um, não pode gostar dos demais como ministros de qualquer que seja a palavra; pois negam um ao outro no que pregam — sem falar que há até entre eles quem negue o Evangelho da Graça.

Não farei comentários sobre ninguém, mas apenas acerca da departamentalização esquizofrênica do pessoal de sua igreja.

Sim, porque o maior teólogo e o maior biblicista (do ranking deles) são tão dispares em suas crenças, que somente quem ouve e não entende pode fazer deles seres complementares.

Além disso, o maior pregador e o maior líder pentecostal (do ranking deles) são também pessoas de estilos, conteúdos, e modos distintos e mesmo antagônicos. O Silas das Malas é um pitbull arrogante. Já o Ricardo tem alma e sensibilidade; e mais: pensa!

E mais: a real questão não tem nada a ver com conhecimentos ou titularidades teológicas; nem com conhecimento teórico de línguas originais; nem tem a ver com oratória; e muito menos com "lideranças" denominacionais forjadas pela malandragem.

Afinal, e o Kiko? Ou seja: e daí? — perguntaria a minha mulher.

Isto porque, ao final, só uma coisa vale para Deus!

Assim, responda:

O coração de quem ouve, arde?

A exposição ao que dizem, muda o ser?

Ouvi-los edifica e pacifica a alma?

O que dizem faz as pessoas entenderam o Evangelho e experimentarem a libertação na Graça?

O que ensinam faz a alma encontrar repouso em Deus, ou apenas impressiona pelos certificados de doutorado, pela capacidade de acumulação lingüística, pela oratória sacra, e pela liderança denominacional?

Afinal, uma só coisa é necessária — como disse Jesus: que é ver se aqueles que são expostos a tais pessoas e ensinos ficam com aquela santa compulsão de Maria, irmã de Marta e Lazaro. Sim, compulsão de "quedar-se aos pés do Senhor"!

Portanto, ainda que alguém seja gago e sem atrativos de comunicação, não tenha sido diplomado por nada, não seja líder de coisa nenhuma, e não conheça nenhuma língua além de um português sofrível — mas que ao abrir a boca edifique a todos e leve as pessoas a amarem mais a Jesus e à Palavra, esse é o "cara"; e que melhor será se continuar sem ser “o cara” para si mesmo.

Entretanto, o só haver essas "escalas de maiores" em sua igreja, já revela que não apenas a esquizofrenia tomou conta (como disse no início), mas também o espírito "dos 10 mais"; ou seja: o espírito da Revista Caras.

Uma ressalva: se o Ricardo é o maior pregador do Brasil, sinceramente, não sei e acho absolutamente irrelevante. Porém, não dá pra colocá-lo no saco com o Silas das Malasfeias.

O mais é coisa de criança!

Porém, sabendo que sua igreja é uma “histórica” que virou “pentecostal”, e que, não satisfeita, redundantemente, se diz também “carismática” — devo dizer que o “cast dos 10 mais deles” é coerente com essa viagem também esquizofrênica.

Quando você crescer mais na fé e no entendimento, me compreenderá inteiramente. Mas, para que assim seja, leia o site todo; o que deve levar uns dois anos de leitura diária; pois imenso é o conteúdo disponível nele.


Receba meu carinho!

Nele, que disse: "Entre vós não é assim",

Caio

Fonte: http://www.caiofabio.net/conteudo.asp?codigo=01989
Postar um comentário