Postagens

Mostrando postagens de Março, 2011

O que você fará com o convite de Jesus?

Imagem
O que você fará com o convite de Jesus? from Caminho da Graça | blog on Vimeo.
Você já entendeu a urgência do chamado de Jesus?
Mensagem devocional do Papo de Graça em 17/03/2011.
Acesse: vemevetv.com.br
Fonte: http://vimeo.com/21667861

O Anjo Mais Velho...

Imagem

O Poder do Amor...

Imagem
A história é a seguinte:
Uma senhora encontrou um leão ainda bebê, na Colômbia.
Ela encontrou o felino mal alimentado, doente e quase morto.
Levou para sua casa, cuidou dele ... Depois foi obrigada a entregar o felino para um zoológico.
Agora vejam a reação do leão quando a vê ...


Precisamos aprender com os animais! =)
Fonte: http://www.youtube.com/watch?v=aSBd4PorZFw&feature=related

Em todo "mal" se oculta um bem "imerecido"...

Imagem
Uma sexta-feira cinzenta e nublada com arco-íris é uma estação temporal aparentemente "mal" que leva consigo um bem "imerecido"oculto a ser revelado ao tempo oportuno...
Como tenho saudade dos meses que se passaram, dos dias em que Deus cuidava de mim, quando a sua lâmpada brilhava sobre a minha cabeça e por sua luz eu caminhava em meio às trevas! Como tenho saudade dos dias do meu vigor, quando a amizade de Deus abençoava a minha casa,
A compreensão do "bem oculto" no mistério de Deus não necessariamente consegue desemocionalizar o sofredor. Uma coisa é o consolo que vem da fé que se rende ao mistério; outra, bem diferente, é o sarar das memórias e de suas dores e saudades!
"A amizade de Deus estava sobre a minha tenda" - nos fala de uma saudade imensa!
Todavia...
Eu sei que o meu Redentor vive, e que no fim se levantará sobre a terra. E depois que o meu corpo estiver destruído e sem carne, verei a Deus. Eu o verei com os meus próprios olhos; eu mesmo, e não outro! Co…

Ninguém é...

Imagem
Ninguém é tão forte, que nunca tenha chorado...
Ninguém é tão fraco, que nunca tenha vencido...
Ninguém é tão inútil, que nunca tenha contribuído...
Ninguém é tão sábio, que nunca tenha errado...
Ninguém é tão corajoso, que nunca teve medo...
Ninguém é tão medroso, que nunca teve coragem...
Ninguém é tão alguém, que nunca precise de ninguém, como eu preciso de você...
"Alguns corações, como certas flores, se abrem com maior beleza... nas sombras da vida..."
Autor: Desconhecido...

E quanto às intermináveis dúvidas in(conscientemente) reveladoras de nós mesmos em in(sensatez)?

Imagem
E quanto às intermináveis dúvidas in(conscientemente) reveladoras de nós mesmos em in(sensatez)?
E quanto à falta de amor?E quanto ao medo? E quando o medo do medo torna-se maior do que o último? E quanto às intermináveis dúvidas in(conscientemente) reveladoras de nós mesmos em in(sensatez)? Diga-me: Quão longa é a noite? Quão longa é a sua noite? E quanto ao tempo? E quando o tempo é dominado(r)?
"Quanto mais se procurava aproximar-se do problema, maior se tornava a noite..." - A filosofia na época trágica dos gregos.
Há dias desejava pôr em sistema prático o que controlara as interrogativas acima... Poupei. Mais uma vez, o tempo era o dominador, porém, controlado (paradoxalmente).
Quando acreditamos em algo com toda nossa força, queremos ir até o fim. (Primeiro exemplo em mente: o amor!)
Voltando acima... E quando há falta de amor?
É seguro e revoltante quando percebemos essa falta no próximo. Mas, pense: E quando há falta de amor da nossa parte? A primeira menção de pensamento é acerca d…

O KARMA DA NÃO GRAÇA

Imagem
O KARMA DA NÃO GRAÇA
Há anos li no livro do querido Yancey (Maravilhosa Graça) um tal de ciclo da não-graça, que nada tem a ver com maldição hereditária nem com a teologia da prosperidade, urdidas nos quintos do inferno e hoje um mal irreversível da igreja evangélica, que prefere crer nessa "balela" do diabo.
Mas não é sobre religião que eu quero falar e sim sobre o ciclo da não-graça que abraça tantas famílias e destrói as relações. Religião, para mim, já encheu o saco. Tenho medo até de ficar com hidrocele de tanto saco cheio.
Essa coisa da não-graça se perpetua por geraçãoes. Yancey chamou a atenção dos leitores de seu livro que pessoas e famílias vivem okarma do ciclo da não-graça. Ele não usa a palavra Karma. Faço uma concessão. É claro que não existe karma! Se houvesse, eu seria o mais insignificante de todos os seres iluminados.
Porém, voltando ao que realmente interessa, há pessoas e famílias que vivem sob o signo da desgraça. O ciclo da não-graça consegue fazer com q…

Teologia Relacional: a inútil discussão acerca de Deus

Imagem
TEOLOGIA RELACIONAL: a inútil discussão acerca de DeusPiedosas são sempre as tentativas humanas de pensar Deus sem vivê-Lo.Sim! Quando a alma não quer a revelação e suas implicações de uma existência em fé e sem justiça-própria, entregando o ser sem para-quedas a Deus, o que surge é uma “teologia”.Cada vez mais me perguntam o que acho da Teologia Relacional ou do Processo, as quais só não são a mesma coisa por uma diferenciação escolástica.Ora, sem mencionar tais nomes em muito do que escrevo, entretanto deixo claro o que penso em todos os conteúdos deste site, os quais (os conteúdos) batem de frente-frente contra tais especulações.Mas para aqueles que só entendem as coisas se elas tiverem nome e endereço, digo aqui o seguinte:1.Que é loucura humana buscar entender como Deus é para além da revelação que Jesus fez e faz do Pai. Deus é Deus. E cabe ao homem amá-Lo conforme o que Dele se pode conhecer ou nos é revelado.2.Que a especulação sobre a relação de Deus com a História Humana que…
Imagem
Fly me to the moon and let me play among the stars
Let me see what spring is like on Jupiter and Mars
In other words Hold my hand
In other words Darling, kiss me
Fill my heart with song and let me sing forever more
You are all I long for, all I worship and adore
In other words Please be true
In other words, I love you
Fonte: http://www.facebook.com/photo.php?fbid=159099260815633&set=a.114859321906294.9718.100001466814668&theater

Pessoas que se sentem amadas dão menos valor às coisas materiais

Imagem
Pessoas que se sentem amadas dão menos valor às coisas materiaisPessoas que se sentem mais seguras em receber amor e aceitação por parte dos outros atribuem menos valor monetário aos seus bens. A conclusão é de um estudo realizado por cientistas das universidades de New Hampshire e Yale, nos EUA, liderados pelo Dr. Edward Lemay. Os pesquisadores descobriram que as pessoas com sentimentos de segurança interpessoal mais intensos – uma sensação de ser amado e aceito pelos outros – acreditam que seus bens têm menos valor do que as pessoas que não compartilham desses sentimentos.Nos experimentos, os pesquisadores mediram o quanto as pessoas valorizavam itens comuns, como um cobertor ou uma caneta. Em alguns casos, as pessoas que não se sentiam seguras deram um valor a um item cinco vezes maior do que o valor atribuído ao mesmo item por pessoas mais seguras. “As pessoas valorizam suas posses, em parte, porque esses bens lhes dão uma sensação de proteção, segurança e conforto,” explica Lemay…

DIVÓRCIO - CAIO FABIO

Imagem
DIVÓRCIO -CAIO FABIO
Eu sou um homem divorciado.
Tem gente que pensa que porque me divorciei eu advogo o divórcio. Pelo amor de Deus!
O divórcio é uma droga, é horrível. Dói nas entranhas, arrebenta você todo. Só advoga o divórcio quem nunca provou um ou quem passou por um divórcio da maneira mais leviana possível.
Porque não basta que a Palavra nos diga que o divórcio é apenas uma amputação para salvar o ser de uma doença maior, e é só em casos extremos que se recorre a ele como medicina, mas não é, de modo algum, uma proposta de existência.
Não significa: “Olha, se não deu certo, parte pra outro, e vai partindo, vai partindo...” Não. O indivíduo tem de fazer o possível para salvar o que tem. Só não dá para ficar se não der para suportar; se a alma estiver morrendo! Isso é uma coisa.
Outra, porém, é fazer do divórcio uma proposta de vida. Quem faz dele uma proposta de vida é, em geral, aquele indivíduo que tem uma determinada condição pessoal e quer justificá-la.
Então cria uma doutri…

Amor líquido por Ed René Kivitz

Imagem
Amor líquido

Como viver num mundo de parcerias frouxas e eminentemente revogáveis
Zygmunt Bauman é considerado hoje um dos sociólogos mais influentes do mundo. Professor emérito de sociologia na Universidade de Leeds e na Universidade de Varsóvia, seu livro mais recente é "Amor Líquido - Sobre a Fragilidade das Relações Humanas" (Rio de Janeiro: Jorge ZAHAR Editor, 2003) de onde tirei os conceitos e extraí citações para estas reflexões.
A tese de Bauman é que vivemos em um mundo líquido, que detesta tudo o que é sólido e durável, tudo que não se ajusta ao uso instantâneo nem permite que se ponha fim ao esforço. O amor, nesse mundo líquido, é amor líquido. A tirania do mercado explica em parte esta característica rarefeita de tudo. Estamos na era do homo consumens. O que caracteriza o consumismo não é acumular bens (quem o faz deve também estar preparado para suportar malas pesadas e casas atulhadas), mas usá-los e descartá-los em seguida a fim de abrir espaço para outros bens …

CORAGEM DE SER...ENTREGA AO AMOR

Imagem
CORAGEM DE SER...ENTREGA AO AMORTer coragem de ser é o meu chamado como homem na Terra.Ter coragem de ser não é ter descontrole sobre o ser.Tem gente que pensa que os seres corajosos existencialmente são aqueles para os quais não limites.Pura bobagem.Os que têm coragem de ser são exclusivamente os que têm coragem de amar, e de não fugir do amor, não das paixões. A entrega às paixões faz cada vez diminuir mais a capacidade interior de experimentar o amor.