Os sacerdotes nada mais são do que papagaios




Os sacerdotes nada mais são do que papagaios


Ouvi contar... um padre comprou dois papagaios e lhes ensinou com muito esforço lindas frases de Jesus Cristo. E todos ficavam realmente surpresos — os papagaios eram tão precisos!

Ele fez pequenos terços para os papagaios e assim ficavam rezando continuamente, e também encontrou pequenas bíblias para eles...

Eles mantinham as bíblias sempre abertas e moviam as contas dos terços. Não podiam ler, mas memorizaram tudo.

O padre abria a página e dizia: “Página doze”, e eles começavam a ler — não que estivessem lendo, mas haviam memorizado.

O padre estava muito satisfeito e achou que seria bom ter mais um papagaio, que seria ensinado a dar sermões inteiros ao invés de recitar a Bíblia e mover as contas.

Ele encontrou um papagaio, e o dono disse: “Seu desejo será satisfeito. Este é o papagaio mais inteligente que já vi”.

Mas ele não sabia que esse papagaio era uma fêmea.

Quando foi colocada na mesma gaiola que os outros dois, que estavam movendo as contas e lendo a Bíblia, ambos olharam para ela, e um deles disse ao outro: “Jorge, agora largue esse terço! Nossas preces foram ouvidas!

Os sacerdotes nada mais são do que papagaios — e suas preces são pelo poder, pelo prestígio, pelo dinheiro. São políticos disfarçados; estão fazendo política em nome de Deus —a política dos números. Há agora setecentos milhões de católicos, e naturalmente o papa é o homem religioso mais poderoso do mundo.


Osho, em "Sacerdotes e Políticos: A Máfia da Alma"
Imagem por Urban Woodswalker


Fonte: http://www.palavrasdeosho.com/2013/03/sacerdotes-papagaios.html

Postar um comentário