De "incógnita" a melhor em campo!




De "incógnita" a melhor em campo!

O começo da seleção foi um desastre.

Até os 11 minutos do 1 tempo quando Oscar perdeu a bola - e até aquele momento era o pior jogador da partida - e Daniel Alves (o pior em toda a partida) que não cobriu a lateral direita que resultou no gol contra de Marcelo (talvez o menos responsável pelo gol).

O Brasil estava visivelmente nervoso. Jogadores chorando na entrada, chorando na hora do hino, uma instabilidade emocional evidente até os 20 minutos do 1 tempo.

Quando Oscar entrou no jogo, de fato, recebeu um isso do Neymar conseguiu corrigir e deu um belo passe ao nosso talentoso camisa 10 (que pode jogar bem mais do que jogou), que com seu talento natural fez um belo gol empatando o jogo.

Dali até o fim do primeiro tempo o Brasil cresceu e foi para cima, parado por excelentes defesas do goleiro croata.

No segundo gol não vi penalty, nem aqui, nem daqui, nem no Itaquerão, nem na Croácia. O Fred teve uma grande atuação, digo: encenação, e só. Embora o sistema de jogo não o ajudasse. O jogo não fluía e nem iria fluir pelo meio. Eu havia alertado que o jogo seria pelas laterais, daí uma boa explicação para justificar a bela atuação de Oscar que participou do segundo gol com a jogada que acabou resultando no "penalty" sofrido pelo "ator" Fred. E de quebra foi "premiado" com um lindo gol que trouxe deveras alívio aos torcedores dentro e fora do estádio.

Oscar foi o maior "ladrão" de bolas, o líder em assistências, dentre elas duas que resultaram nos gols de Neymar.

De incógnita a melhor em campo, Oscar que perdeu a bola no primeiro gol da partida, apresentava visível dificuldade para dominar uma bola e acertar um passe, após o primeiro gol se tornou no maior "ladrão" de bola, característica que não lhes são peculiares, liderou o número de assistências, driblou, chutou e fez gol. Sem dúvida alguma o melhor em campo, embora a Fifa tenha dado o prêmio para o Neymar, daí você entende os critérios utilizados pela Fifa para escolher o melhor jogado do mundial.

Pontos negativos:

Daniel Alves e Paulinho foram os pontos negativos. O primeiro deixando espaços que podem ser cruciais mais adiante, caso não sejam corrigidos a tempo. O segundo ainda parece triste, n de longe lembra o Paulinho de tempos gloriosos do Corinthians e aquele Paulinho da Copa das Confederações.

Hulk e Fred. Ambos prejudicados pelo sistema de jogo da Croácia, especialmente o Fred que se jogou em um Penalty que não existiu. Brincadeiras a parte, a Joana Havelange que disse: "o que tinha que ser roubado, já o foi", certamente não conhecia o árbitro japonês. Apenas uma provocação. O japa errou, mas não foi comprado. Em 2010 ele deixou de dar um penalty favorável ao Brasil contra a Holanda, o resultado todos sabemos, o Brasil perdeu de virada e voltou para casa.

Pontos Positivos:

A Croácia. Seleção dura de ser batida. Mesmo desfalcada, dentro da sua proposta de jogo com duas linhas de quatro alternando com três linhas de três e claramente projetada para jogar nos contra ataques como no primeiro gol, os croatas tiveram boa atuação e no momento crucial do jogo, quando estavam melhores que o Brasil no jogo, foram prejudicados pelo um erro grotesco da arbitragem. No final foram "castigados" com o belo gol de Oscar quando lutavam ao menos pelo empate. Aposto na Croácia como seleção classificada em segundo lugar é claro!

Notas dos jogadores:

Julio César 7 ~ Não teve culpa no gol, fez as defesas necessárias quando exigido, todavia não passou segurança em alguns lances.

Daniel Alves 3 ~ O pior em campo. Errou muitos passes, perdeu muitas bolas, e não cobriu a lateral em bola perdida por Oscar que resultou no gol contra do Marcelo. Não sei se dura até o final da Copa. Maicon poderá entrar e conquistar a vaga no decorrer da competição.

Thiago Silva 6 ~ visivelmente emocionante antes do jogo, apesar de não comprometer, demonstrou insegurança, mas certamente haverá de evoluir.

David Luiz 7,5 ~ As vezes entrava com mais vontade e menos qualidade, mas teve boa atuação, se recuperando em lances importantes.

Marcelo 6 ~ Apesar do gol contra, demonstrou muita voluntariedade, sempre perigoso no apoio, e correspondeu defensivamente quando exigido.

Luiz Gustavo 7 ~ Sempre eficaz na marcação. Faz o feijão com arroz como ninguém, e com as más atuações de Paulinho, Luiz Gustavo se torna crucial no meio. 

Paulinho 5 ~ Novamente jogou mal. Parece sem ritmo. Definitivamente a mudança de treinador no seu clube o afetou. Torço para que ele possa se reencontrar. Aquele Paulinho da Copa das Confederações será importantíssimo rumo ao Hexa.

Oscar 8,5 ~ O melhor em campo! Já falei "tudo" a respeito dele no texto acima.

Hulk 5,5 ~ Abaixo da média, não comprometeu, mas não contribuiu, foi corretamente substituído. Mas acredito que fará boas apresentações no decorrer do mundial.

Neymar 8 ~ Apesar de não ter feito uma partida primorosa, Neymar tem muito talento e "sorte". Fez um belíssimo gol, após grande jogada de Oscar, e depois deu "sorte" na cobrança do penalty. Destaque para o gás de sombra no segundo tempo, o ponto negativo foi a "cotovelada" no Modric.

Fred 6 ~ Apagado. Não é jogador de arranque e pouco sai da área. Teve atuação digna de oscar no penalty que resultou no segundo gol do Brasil.

Hernanes 6,5 ~ Entrou bem, deu bons passes, fez boas jogadas individuais, cumpriu bem seu papel.

Ramirez 6 ~ Eu não ia dar nota, mas a roubada de bola para a jogada que resultou no gol de Oscar foi crucial para dar uma nota.

Bernard 6 ~ Teve boa movimentação na frente. A nota se limita a isto, pois atuou pouco tempo para comentarmos mais a respeito.



João Vicente Ferreira Neto


OBSERVAÇÃO: Escrevi ontem após o jogo no facebook.
Postar um comentário