Somos todos criminosos em algum aspecto...

https://lh6.googleusercontent.com/-BUPfOPq2bTE/TscECXBVdHI/AAAAAAAADKo/o-Q8XaNq5-0/s800/dedos01.jpg

Somos todos criminosos em algum aspecto...

As vezes o calcanhar de Aquiles do indivíduo não é com o dinheiro, mas seu "crime", calo ou prática corrupta (engano/mentira) é outro.

Nunca me esqueço da história clássica do indivíduo que foi até uma lanchonete já próximo ao horário de fechamento dos trabalhos, fez seu pedido, alguns minutos depois recebeu o pacote e se foi, todavia o atendente se confundiu e ao invés de entregar o pacote de lanches deu ao indivíduo todo o dinheiro do caixa daquele dia. Desesperado e sem saber o que fazer tal funcionário ficou aliviado quando o indivíduo retorna e devolve o pacote esclarecendo a confusão. O proprietário do estabelecimento fica tão eufórico em recuperar o dinheiro que chama até a imprensa para cobrir o caso e relatar a honestidade daquele indivíduo, mas aí o herói íntegro no âmbito financeiro olha para o proprietário, o chama a parte e diz: "por favor não faça isso, são 3h da madrugada, minha esposa pensa que estou trabalhando, mas estou com a esposa de um grande amigo nosso no meu carro, se isto vazar os dois casamentos serão destruídos, além de nossa amizade".

As vezes somos honestos e íntegros em algumas áreas e em outras não...

Há coisas que parecem ser apenas uma questão de conveniência!

João Vicente Ferreira Neto
Postar um comentário